Projeto 6 on 6 Canada – Março 2021 – Pôr do Sol: 6 lugares de Hamilton para assistir esse espetáculo

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é img_3088.jpg

Você já andou em uma montanha-russa e tentou filmar o percurso, para no final perceber que acabou nem aproveitando a adrenalina do trajeto porque ficou mais preocupado em segurar a câmera? Se sua resposta foi não, fico feliz por você, pois é exatamente assim que eu me sinto quando tento tirar aquela fotografia linda do pôr do sol. Fico lá tentando pegar um click perfeito, e perco o espetáculo que está acontecendo diante dos meus olhos.

No Projeto 6 on 6 Canada de hoje, o tema é Pôr do Sol, mas ao invés de eu focar em fotos de tirar o fôlego (algo que sei que não é o meu ponto forte), preferi indicar 6 pontos da cidade em que, na minha opinião, vale a experiência de assistir o sol se pondo. Veja a seguir a minha lista de indicações:

1- Bayfront Park

O Bayfront é, sem dúvida alguma, o meu lugar favorito para assistir ao pôr do sol. O parque fica muito próximo do centro da cidade, o que torna o acesso fácil para quem mora na região. Já perdi as contas de quantas vezes eu peguei minha cadeira de praia, sentei lá no parque, e fiquei apenas esperando o espetáculo acontecer. É simplesmente demais!

O que fazer por lá?

Enquanto espera o sol se pôr, aproveite para fazer uma caminhada no parque, andar de bicicleta ou patins, tirar uma foto em frente a bandeira do Canadá que fica no gramado, admirar as flores das cerejeiras, fazer um picnic, tomar um sorvete ou comer um fish and chips delicioso no Hutch´s Harbour Front que fica na entrada do parque.

2- Piers 4 e 8

Assim como o Bayfront Park, os Piers 4 e 8 são excelentes opções de lugares para visitar no final da tarde. Por causa da localização fantástica, é possível ver o sol se pondo sem muitas barreiras na frente. Nesse local da foto, é bem comum encontrar os cisnes, e poder admirar o reflexo deles na água.

O que fazer por lá?

O Pier 4 é frequentado por famílias que levam as crianças para brincar no playground em formato de barco, nos splash pads, ou pelos admiradores de carros clássicos, nos encontros semanais que acontecem durante o verão. Já no Pier 8, você pode aproveitar para patinar no gelo durante o inverno, ou no roller durante as demais estações. Também pode alugar bicicletas, triciclos, fazer um passeio de barco, dar uma volta no Waterfront Trolley, e terminar o passeio tomando um café no Williams Fresh Cafe, que embora eu ache que tenha um péssimo atendimento, possui opções bem gostosas para comer e beber.

3- Princess Point

Essa foto foi tirada exatamente embaixo da ponte que dá acesso à Highway 403, e que liga Hamilton e Burlington. O Princess Point é um dos lugares mais acessados durante o inverno aqui em Hamilton, já que quando o lago congela, as pessoas vão até o parque para patinar no gelo ou jogar hockey.

O que fazer por lá?

Mesmo quando as condições climáticas não permitem a patinação no Princess Point, ainda há outras atividades para fazer por lá. Uma delas é a Waterfront Trail, que começa no Cootes Paradise, na região oeste da cidade, e que passa pelo Bayfront Park, Pier 4 e termina lá no Pier 8, todos já citados anteriormente.

4- Sam Lawrence Park

Localizado no alto da montanha, o Sam Lawrence Park é um dos muitos mirantes espalhados pela cidade de Hamilton, e embora não seja o local mais indicado para tirar uma foto do pôr do sol, já que ele fica voltado para o lado norte da cidade, é um lugar que vale a pena estar no final da tarde, enquanto o sol se põe. Na foto, por exemplo, podemos ver a lua cheia, quem embora pequena aí na imagem, estava enorme nesse dia. Enquanto isso, mais à esquerda, o sol se punha, e coloria o céu de uma forma formidável.

O que fazer por lá?

Além de poder observar a parte baixa da cidade, o Sam Lawrence Park tem um dos jardins mais bonitos aqui de Hamilton, portanto, vale a pena passar por lá nos meses mais quentes do ano. Por ficar localizado na Concession Street, que é considerada uma zona comercial, vale a pena aproveitar a ida ao parque e sair para andar pela rua, conhecer os vários restaurantes, para para tomar um café no Tim Hortons, e de repente, provar um açaí na tigela do Heal Wellness.

5- Devil´s Punch Bowl

Outro mirante que oferece uma visão incrível da cidade é o Devil´s Punch Bowl que fica localizado em Stoney Creek, ao leste da cidade de Hamilton. Diferentemente dos lugares que citei antes, aqui é necessário pagar para entrar, ou melhor, para sair. O estacionamento custa $5, e a cancela só abre após validar o ticket, ou com o membership da Hamilton Conservation Authority, que já citei nesse post aqui.

O que fazer por lá?

Não tem como ir até lá e não parar para admirar a cachoeira de 37 metros de altura que dá nome ao lugar – Devil´s Punch Bowl. Dependendo da época do ano, o volume de água aumenta ou diminui, mas visitar durante o inverno é fortemente recomendado. Além disso, de April até a véspera de Natal, recomendo muito o Punch Bowl Market & Bakery, que fica do outro lado da rua, para provar as deliciosas tortas e quiches que eles vendem por lá.

6- Hamilton Cemitery

Não, você não leu errado. Estou mesmo recomendando que você vá assistir ao pôr do sol no cemitério. Acha assustador? Eu te entendo, mas posso garantir que é um passeio que, embora pouco ortodoxo, poderá te surpreender. O cemitério fica próximo da ponte que comentei no item 3, portanto, ele tem uma vista privilegiada do lago, e consequentemente, do pôr do sol. Além disso, é possível conhecer um pouco mais da história da cidade, e de personagens que foram marcantes por aqui, como o fundador George Hamilton, por exemplo.

O que fazer por lá?

Muitas pessoas fazem caminhadas por lá, levam o cachorro para passear, andam de bicicleta. Do outro lado da rua está o Dundurn Castle, que já recomendei anteriormente por aqui, então minha sugestão é que você estacione o carro lá no castelo, explore a região, tire muitas fotos, e depois encerre o passeio vendo o sol se pôr lá no cemitério. E aí, tem coragem?


Esse post faz parte do Projeto 6 on 6 Canada, e mesmo sabendo que não conseguirei divulgá-lo da forma como gostaria, já que meu Instagram foi desativado, eu não poderia deixar de publicar por aqui. Quero aproveitar para agradecer todas as mensagens que recebi aqui pelo blog, pelo Facebook, por intermédio de outros perfis no Instagram. Não vou esquecer do carinho e preocupação que muitos de vocês demonstraram durante essas 3 semanas de ausência. Não vou esquecer também daqueles que só perceberam hoje (shame on you, guys!!!), mas entendo que a vida está corrida para todos.

Aproveitem para visitar os demais blogs participantes do projeto, e ver as fotos que elas escolheram para o tema de hoje.

Um abraço, e até a próxima!!!!

Priscila – Victoria – Embarque com a Pri

Mariana – Calgary – Mariana Day Blog – De bem com a vida no Canadá

Gabriela – Toronto – Gaby no Canadá

Nanda – Ottawa – Sala da Nanda

Thaís – New Westminster – Viajadora

10 comentários

  1. Que post incrível, Reinaldo. Adorei que você colocou mais coisas para fazer em cada local. Ótima sacada!
    Chateada com o negócio do IG, mas nisso dá ainda mais certeza de como é bom termos blog, um local onde quem manda somos nós e não social media. Um abraço, Nanda

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s