É obrigatório pagar tip nos restaurantes?

img_4097

Esse é o tipo de post que normalmente divide opiniões, mas a resposta correta para a pergunta-título é NÃO, o pagamento de gorjetas não é obrigatório aqui no Canadá.

Cada cliente tem o livre arbítrio para decidir se vai pagar ou não, mas culturalmente, a gorjeta é uma forma de compensar os funcionários do restaurante pelo bom atendimento prestado. Normalmente, quando serviço foi bem executado, paga-se 15% do valor da conta, se o serviço foi excepcional, é comum o pagamento de 20%. Nos casos em que o atendimento não deixou aquela boa impressão, ainda assim, é esperado que o cliente pague 10% de gorjeta.

Você pode até pensar que pela explicação que acabei de dar, praticamente falei, em outras palavras, que o pagamento é sim mandatório, mas a decisão final ainda é do cliente, e ninguém pode obrigá-lo a pagar por algo que ele não deseja.

A falta do pagamento, no entanto, pode significar muito mais do que um ato grosseiro ou insensível. O desempenho de muitos atendentes de restaurantes é medido pelo pagamento das gorjetas. Quando um cliente decide pagar o valor mínimo, ou não pagar nada, muitos gerentes acabam entendendo que o atendente não fez um bom serviço, mesmo quando isso não é verdadeiro.

Um atendente de restaurante licenciado para vender bebidas alcoólicas aqui em Ontario, recebe, no mínimo, $12,20 por hora, enquanto o valor mínimo para os demais trabalhadores é de $14. O pagamento da gorjeta, dessa forma, ajuda a suplementar o salário dessas pessoas. Vendo esses números, começa a ficar um pouco mais claro o porquê da cara de decepção deles quando percebem que não receberam nada, não é mesmo?

Dias desses eu comentei em um fórum de uma rede social que falava exatamente sobre esse tema, que somente quem já trabalhou e dependeu do pagamento de tips consegue entender exatamente o significado dela. Acrescentei que muitos de nós brasileiros que moramos no Canadá, ou já dependemos um dia desse tipo de pagamento, ou ainda iremos depender dele no futuro. Assim, da próxima vez que estivermos em dúvida se devemos pagar ou não, basta nos colocarmos no lugar daquela pessoa, e a decisão será muito mais fácil de ser tomada.

Não posso negar que o pagamento da gorjeta encarece bastante a conta final. Assim, naqueles dias em que sei que minha situação financeira não é das melhores, evito sair para comer em algum lugar que tenha serviço completo de mesa. Dou preferência, nesses dias, aos restaurantes do estilo fast food, pois sei que neles o pagamento não é esperado. O mesmo não é verdadeiro para os dias em que fico em casa e peço comida através dos aplicativos de entrega. Os motoristas que prestam esse tipo de serviço também precisam muito da gratificação, caso contrário, exercer esse tipo de trabalho não valeria a pena para eles.

Alguns dizem que somente quem não tem bom senso é que deixa de pagar a gorjeta. Eu prefiro deixar essa conclusão para cada um, afinal como falei acima, o pagamento é discricionário. Uma coisa eu digo, no entanto. Adaptar-se à cultura local do país em que a gente decide morar é importante, e isso inclui algumas vezes, coisas que a gente não ama fazer. Pagar 15% a mais em uma conta de restaurante, por exemplo, pode ser uma delas.

Mas e aí, qual a sua opinião sincera sobre esse assunto? Escreva aqui nos comentários.

Um abraço e até o próximo post.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s