A minha Black Friday

img_3965Quem me acompanha pelo Instagram provavelmente percebeu que não postei absolutamente nada a respeito de compras e Black Friday, que ocorreu na última sexta-feira, dia 29 de Novembro. Na verdade, as promoções que acontecem, normalmente, na sexta-feira depois do Dia de Ação de Graças dos Estados Unidos, começaram por aqui há mais ou menos uma semana. Nesses dias, os sites das lojas e grandes redes de supermercados, anunciam uma grande variedade de produtos em promoção, e, muitas vezes, com preços imperdíveis.

Acontece que nem sempre estamos à procura daqueles produtos que estão em oferta, ou, não temos condições financeiras, no momento, de aproveitar os descontos mesmo com os preços mais baixos.

Existe um mito de que quem mora no exterior deixou o Brasil para ganhar rios de dinheiro. Quantas vezes já ouvi a expressão “mas você ganha em dólares!” e precisei explicar, incansavelmente, que eu vivo no Canadá e pago todas as minhas despesas em dólares também. As pessoas acreditam que por trabalharmos aqui, e, por recebermos os nossos salários em dólares, multiplicamos esse valor por 3 (atual valor de conversão para o real), e consequentemente, estamos ricos. Santa inocência!

Antes de me mudar para o Canadá, eu tive a oportunidade de viajar de férias para cidades como Miami, Nova York e mesmo Toronto e outras cidades canadenses. Na ocasião, o valor do Real em comparação ao Dólar, não tinha uma diferença tão exorbitante. Assim, já que eu estava de férias, tinha trabalhado o ano todo sem parar, tinha conseguido juntar algumas economias, aproveitava essas viagens e comprava tudo o que eu precisava. Costumava fazer um estoque de camisas sociais para o ano todo, portanto, eu voltava para o Brasil e não precisava comprar sequer uma peça de roupa até as férias do ano seguinte. Achava tudo muito barato e sonhava com o dia de poder morar em alguma dessas cidades, e comprar tudo aquilo que eu via, com aquele preço justo e qualidade inquestionável.

Acontece, que quando a gente muda para essas cidades, nossa vida não é mais uma férias de verão. Aqui temos responsabilidades, compromissos, inúmeras contas para pagar. Aquela carteira cheia de notinhas verdes que a gente trazia nas férias, não existe mais. A vida no exterior é diferente da vida de turistas. Aprendi isso na marra.

Obviamente não estou com este post dizendo que depois que alguém muda para o Canadá, ou qualquer outro país, essas pessoas, por via de regra, passam por dificuldades financeiras. Não, não é isso. No meu caso, por exemplo, posso dizer que trabalho bastante e consigo arcar com as minhas despesas, mas já não tenho mais a coragem, ou a oportunidade, de ir ao shopping e encher uma sacola de compras com coisas que talvez eu nem vá usar tanto assim, apenas porque elas estavam em promoção. Sim, eu mudei bastante ao longo dos quase 5 anos que estou vivendo aqui.

A Black Friday, neste contexto que criei acima, veio para mim como um dia qualquer. Não estou precisando de nada neste momento, embora tenham itens que eu gostaria muito de ter comprado.Ainda dá tempo? Sim, as ofertas costumam ir até a segunda-feira, principalmente para as compras online. Assim, ainda tenho um tempinho para fazer as minhas pesquisas e verificar se realmente vale a pena comprar agora, ou esperar o Boxing Day, que acontece no dia 26 de Dezembro aqui no Canadá, e costuma ser tão bom quanto o evento americano do Thanksgiving.

Meu objetivo em escrever este post foi mais para servir de alerta às pessoas que estão planejando vir para o Canadá iniciar a sua vida, que não dá para nos basearmos em tudo o que vemos pela internet, ou pelas nossas próprias experiências das vezes que viajamos para o exterior de forma temporária. A vida de expatriados, embora cheia de qualidades e pontos positivos, é muito diferente da vida perfeita que costumamos a ver nas redes sociais. E se você que está lendo este post até o fim, assim como eu e a grande maioria que chega aqui, não está vindo com a carteira cheia de notinhas verdes, não se frustre se não conseguir comprar tudo aquilo que deseja, pois o que pode não ser possível hoje, talvez será amanhã, então tenha paciência para saber esperar o tempo certo das coisas acontecerem, afinal, a Black Friday acontece todos os anos.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s