Acampando pela primeira vez

Desde que cheguei no Canadá, no final de 2014, ouço que os canadenses, em geral, adoram acampar, e sempre aproveitam os meses de verão para praticar essa atividade com as crianças. Há muito tempo eu já estava com vontade de fazer isso também, mas foi somente no verão de 2018, que fui passar um dia com uns amigos que estavam acampando, e isso despertou ainda mais a minha vontade de experimentar o acampamento pra valer.

Desde então, prometi que em 2019 eu acamparia, mesmo que ninguém mais estivesse interessado, eu iria sozinho mesmo. Não foi preciso. Esses mesmos amigos que me chamaram para passar o dia com eles no verão passado, esse ano me convidaram para r acampar e passar o feriado prolongado do Canada Day por lá. Topei na hora!!!

Neste post, quero contar um pouco sobre cada uma das etapas e preparação para o acampamento, pois caso vocês que estão visitando o Blog, se quiserem fazer o mesmo no futuro, já sabem por onde começar (principalmente se forem marinheiros de primeira viagem, como eu).

Reserva do Parque

A primeira coisa a fazer, uma vez que já decidiu a data em que pretende acampar, é fazer a reserva do parque e, consequentemente, do terreno em que ficará acampado. A forma mais simples de fazer a reserva é online, através do site do Ontario Parks, mas pode também ser feito por telefone. Neste momento é preciso já tomar algumas decisões: que tipo de acomodação você prefere, barracas, trailer ou cabines? Prefere com ou sem energia elétrica? Tem algum parque em mente, ou está disposto a aceitar qualquer um que esteja disponível?

Vale lembrar que se você pretende ir durante os finais de semana, principalmente com emenda de feriado, precisa fazer a reserva com muita antecedência. Meu amigo deixou reservado desde Março, para irmos no final de Junho. Quando ele entrou, já haviam poucas opções de terrenos disponíveis, portanto, vocês precisam ser rápidos. Caso tenham interesse em ir durante a semana, a procura é menor, portanto, é mais provável que consigam disponibilidade com mais facilidade.

Bom, meu amigo escolheu um parque que eles já tinham acampando no ano passado e gostado bastante, o MacGregor Provincial Park, que fica a mais ou menos 200km de Hamilton. Ele optou por um terreno com energia elétrica (graças a Deus!!!!) e as barracas foram a nossa forma de acomodação.

Preparativos

Uma vez que já tínhamos a data e também o parque, o próximo passo foi providenciar as coisas para o acampamento. Como meus amigos já acamparam bastante no verão passado, muitos dos acessórios para camping eles já tinham, então, dessa vez, não precisei me preocupar com eles: extensão para energia elétrica, lâmpadas para iluminar o terreno à noite, churrasqueira portátil, fogão elétrico, etc.

Mas eu ainda precisava providenciar uma barraca. Andei lendo pela internet que essas que divulgam que comportam até 6 pessoas, na verdade, conseguem comportar, confortavelmente, 4. Com isso em mente, achei uma barraca no Walmart, que era boa para até 8 pessoas. Sabia que era exagero comprar algo tão grande assim, mas, não conseguiríamos dormir apertados, e nem queríamos ficar sufocados dentro de uma barraca pequena. Comprei, e não me arrependi.

80136d0a-644f-4473-be84-c21d656a3b4f

Também precisava comprar duas lonas, uma para montar a barraca em cima, e evitar que ela ficasse encharcada, caso chovesse, ou o solo estivesse molhado, e uma para colocar em cima da barraca, também como proteção para a chuva. Vocês acham que eu sabia como amarrar a lona nas árvores para proteger a barraca? Nãoooo, mas meu amigo, muito mais experiente no assunto, me ajudou e deu tudo certo. Optamos, na verdade, por fazer uma proteção para uma das mesas de picnic que tinha no terreno, já que não havia mais previsão de chuva para aqueles dias.

Outra coisa que precisávamos, mas que eu já tinha comprado no verão passado, foi um cooler para levar as comidas e bebidas. Uma coisa a menos para me preocupar. Também já tínhamos aquelas cadeiras de acampamento, que pagamos baratinho no Walmart, e as levamos para tudo quanto é lado, sempre que tem algum evento na região.

6d361fa1-547c-4628-a482-fa272388adcf

As comidas

Nesse ponto somos exagerados mesmo. Meus amigos já tinham falado que não precisávamos levar muitas coisas, afinal eles também estavam levando, mas não consigo. Compramos linguiça, frango, carne de porco, milho, pães, ovos, café solúvel, snacks, e claro, uma picanha para fazermos um belo churrasco. Comprei a picanha no Duarte´s, o mesmo lugar aqui em Hamilton onde já mencionei que dá para comprar ingredientes para fazer uma feijoada. Clique aqui para saber mais informações.

Meus amigos também levaram costela, frango e linguiças, portanto, tínhamos comida suficiente para ficar mais uns 2 ou 3 dias, se quiséssemos ficar mais por lá. Exagerados, como já disse!

img_1049

Atividades no parque

O parque possui muitas atrações, entre elas, trilhas (que nós gostamos demais), aluguel de bicicletas, playground para as crianças, e claro, um lago azul, daqueles que mesmo gelado, deixa a gente com vontade entrar na água. Fizemos um pouco de cada uma dessas coisas, exceto, o aluguel de bicicletas. Como levamos cachorro (lembram da Alice?), eu não tinha aquelas cestas de bicicleta para levá-la, então optamos por caminhar. A coitadinha nunca andou tanto na vida dela.

Comprei também um desses botes infláveis, pois desde o ano passado eu já estava com vontade de entrar na água com algo do tipo. O meu comporta um adulto e uma criança, então aproveitei para levar o filho dos meus amigos para se aventurar comigo nas águas geladas do Lake Huron. Foi bom demais!!!

54425c87-6477-4f7c-a7c7-2cf7c2018b5d

A hora de dormir

Como meus amigos do trabalho disseram que eu estava trapaceando quando disse que ficaria em um terreno com energia elétrica, resolvi fazer a coisa um pouco mais rústica, e optei por dormir apenas com o saco de dormir, sem qualquer tipo de colchão. Sabe de nada, inocente!!! Prefiram um colchão inflável, caso vocês tenham interesse em acampar. Nem precisa ser nada muito requintado não, pode ser aqueles mais simples mesmo. Dormir no chão duro, não é uma tarefa fácil. Além disso, quando estiver montando a barraca, veja se tem algum desnível no solo e evitem essa área, pois isso facilitará na hora de posicionar as “camas”, e, acreditem, faz a maior diferença na hora de dormir (ou não).

Contato com a natureza

Essa foi a parte que mais gostei do passeio. Já tinham me falado para levar bastante repelente de mosquitos, portanto, já cheguei lá preparado. Felizmente, no final de semana em que estivemos lá, até que não tinham muitos mosquitos não, mas quando fui nadar e voltei sem reaplicar o repelente, eles fizeram a festa nas minhas pernas. Muito juvenil, eh!!!

Mas fora isso, o lugar é incrível, e pudemos ver várias coisas bonitas durante a nossa passagem por lá. Vou postar algumas fotos que foram tiradas pela @lininha_fr, pois elas ficaram demais.

Banheiros/Chuveiros

Como no verão passado já tinha ido passar um dia em um dos parques da província de Ontario, já sabia, mais ou menos, como eram as dependências do parque, portanto, já tinha gostado de saber como eram os banheiros e espaços para banho. O banheiro, obviamente, não te dá a mesma privacidade que você teria na sua casa, mas para um final de semana, 3 dias, ele está bom demais. Os chuveiros, por outro lado, são bem privativos, quentes, com um bom fluxo d’água. Muito bons!!!

Animais Silvestres

5ade8e5e-0008-44d2-9de1-ecd1b369ac83Logo na primeira noite, quando fui ao banheiro, já vi um cartaz informando que em Junho de 2019, um urso preto tinha sido visto naquele parque. O cartaz era mais informativo, explicando para não deixarmos comida exposta no terreno durante a noite, para evitarmos visitas desnecessárias. Também, foi uma forma de informar, caso alguém visse um urso, não deveria se aproximar dele, obviamente. Uma noite, no entanto, comecei a escutar uns barulhos e logo já imaginei que um (ou muitos) guaxinim estava mexendo na nossa lixeira. O safado encontrou um pote de margarina que tinha um pedaço de torta que havíamos jogado no lixo, e comeu tudo. Na manhã seguinte encontrei o lixo todo revirado, recolhi tudo e levei para uma área do camping própria para isso.

Impressões gerais sobre o camping

Depois de ter passado 3 noites lá, cheguei à conclusão que ainda quero mais. Gostei demais da experiência, portanto, essa foi somente a primeira de muitas vezes que farei isso. Preciso providenciar as coisas que ainda não tenho, sendo que as mais urgentes são o cabo de extensão de energia elétrica e o fogão elétrico. Sem esses dois itens, nada feito!

Se vocês que estão lendo este post, têm vontade de acampar, mas está faltando coragem, eu indico que vocês visitem um desses parques apenas para passar o dia e conhecer o local, e depois reservem para experimentar o acampamento. Não é uma atividade que agrada a todos, mas me diverti bastante, então espero que vocês também tenham a mesma experiência positiva que eu tive.

Um abraço a todos, e até a próxima!!!!

4 comentários

  1. Excelente relato amigo! É o que sempre digo, nada melhor do que acampar pela primeira vez com pessoas já experientes, a experiência é outra e normalmente não é traumática! Meu sonho era morar no Canadá ksksksksks só pra poder acampar, pescar de boas, o país que amo sem nunca ter ido, parece que tudo aí funciona! Se precisa, tenho uma planilha bacana de itens a comprar, me passa seu email, um abraço!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s