Voluntariado no Canadá

volunteer5

Hoje vamos falar aqui no blog de um assunto extremamente importante para quem vive aqui no Canadá: voluntariado.

Mesmo antes de chegarmos aqui, já havíamos lido bastante sobre o assunto, assistido vídeos que mencionavam a importância de ajudar ao próximo e o quanto isso era valorizado por aqui.

Quando digo ajudar, não estou me referindo a ligar uma vez ao ano para o Criança Esperança, fazer uma sacolinha de Natal ou contribuir com aquela instituição filantrópica apenas para se livrar da operadora de telemarketing que insiste do outro lado da linha, pensando na meta que precisa bater. Ser voluntário é doar um pouco do seu tempo, talento e trabalho em nome de uma causa em que acredite. É não se importar que você está fazendo aquilo sem ganhar um centavo, porque no fundo você sabe que a retribuição vai muito além da financeira.

Infelizmente não temos esta cultura no Brasil. Estamos muito mais preocupados em lidar com os nossos próprios fantasmas diários e não conseguimos encontrar tempo e disposição para fazer isso para o outro. Eu passava horas e horas no trânsito diariamente chegar ao trabalho. Lá ficava o dia todo e só retornava para dormir e já me preparar para o próximo dia. Aos finais de semana, não tinha vontade de fazer muita coisa, afinal estava cansado o suficiente por causa da semana que tinha enfrentado.

Mas o que mudou? As pessoas viram santas quando resolvem sair do país e de repente resolvem que tem que ajudar as pessoas? De forma alguma. Mas é verdade que estar imerso em uma cultura onde este conceito de doação é valorizado, desperta uma vontade naqueles que estão abertos para este tipo de crescimento.

Para quem chega no Canadá, tornar-se voluntário pode ser uma das formas de agradecer à comunidade que está nos recebendo. Além disso, é uma oportunidade de conhecer novas pessoas, aprender uma nova atividade, praticar o idioma e, por que não, distrair-se um pouco, aliviar a tensão do começo tão complicado.

Existem diversas oportunidades para quem tem interesse em voluntariar. As vagas podem ser para ajudantes de cozinha, tutores, treinadores de futebol, motoristas, recreacionistas, enfim, para todos os gostos. Geralmente entre 2 e 3 horas por semana é o tempo em que as pessoas costumam disponibilizar para estes trabalhos. Pode parecer pouco, mas já é suficiente para fazer com que você se sinta recompensado.

Aqui na cidade de Hamilton existem muitos projetos sociais e portanto, a procura por voluntários cresce a cada dia. O site Volunteer Hamilton possibilita que as pessoas pesquisem as vagas disponíveis, de acordo com a região em que moram e o tipo de atividade que procuram.

Além de tudo o que foi mencionado, é importante dizer que as empresas daqui também valorizam as pessoas que se doam. Colocar em seu curriculo que você participa de projetos voluntários pode fazer com que você se destaque em relação aos demais candidatos em um processo seletivo, sem contar que as referências que você poderá receber por um bom desempenho nas suas atividades, poderão ser determinantes na decisão final de um empregador.

3 comentários

  1. No Brasil parece que o tempo não rende né!? Temos muito vontade de sermos mais ativos em atividades voluntárias também, mas o dia a dia é tão estressante que acabamos doando muito pouco esse tempo, infelizmente! Realmente não vejo o voluntariado como algo intrínseco na nossa cultura, claro que existe e muitas pessoas são engajadas, porém são poucas. Que seu post possa servir de inspiração e motivação em prol das atividades voluntárias!

    Curtido por 1 pessoa

    • Quando chegamos aqui e notamos o número de pessoas que são voluntárias em algum trabalho social, ficamos impressionados. Logo ficamos interessados em também nos integrar em algo. Do meu voluntariado acabou surgindo o trabalho part time. Assim que eu terminar a faculdade quero poder me doar mais também e retribuir um pouco do que ganhei. Abraço para vcs!

      Curtido por 1 pessoa

  2. […] Para aqueles que pretendem morar aqui em Hamilton, perceberão que a cidade possui um grande número de programas sociais e isso pode ser facilmente notado quando se circula pela região central, todavia, com o aquecimento do mercado imobiliário e, consequentemente, o aumento do custo de vida, estes programas estão ameaçados. Assim, é sempre importante que os moradores e empresários locais apoiem estes projetos, continuem suas doações e dediquem seu tempo através de trabalho voluntário. […]

    Curtir

Deixe uma resposta para Vivendo nas ruas de Hamilton | Vivendo em Hamilton Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s